Home - Água Clara

Acusado de feminicídio em Água Clara é preso em Campo Grande

27 de março de 2020 Água Clara
Aumentar a Foto

Chegou à redação do Fatos Regionais, a informação de que Guga Martins, acusado de matar Euzébia Clara Leite Pereira, Clara Bianc, ou Bia, 26 anos, no início da noite de ontem, em Água Clara, acaba de ser preso em Campo Grande. Segundo informações, a prisão acabaou de ocorrer.

Gugu foi preso em flagrante delito pelo crime de feminicidio e deve ser apresentado em uma coletiva de imprensa, nesta sexta-feira (27) na Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher). Não foi divulgado como se deu a prisão de Guga.

Mais detalhes em seguida.

O crime

Euzébia Clara Leite Pereira, Clara Bianc, ou Bia, 26 anos, foi morta com um tiro na testa no salão para onde se mudou recentemente, ao lado da residência de sua mãe, no Jardim Nova Água Clara.

O acusado de ter efetuado o único disparo, é Guga Martins, com quem ela vivou por cerca de um ano, conforme familiares. O motivo do crime teria sido porque ela se recusava a reatar a relação. Antes de ser morta, os dois teriam discutido.

Antes de se mudar para o atual endereço, Clara morou na chácara com Gugu.

Até o fechamento desta matéria, o acusado ainda se encontrava foragido.

 

 
Notícias